Assim Vivemos – Festival Internacional de Filmes Sobre Deficiência tem programação em Pelotas e Santa Cruz do Sul

Altere o tamanho da fonte:

As cidades recebem o Festival com programação personalizada, incluindo debates e sessões com acessibilidades

De 25 a 30 de setembro, o Assim Vivemos acontece em Porto Alegre, no CineBancários. Mas a trajetória do Festival não para por aí: depois da capital gaúcha, viaja até Pelotas e Santa Cruz do Sul, com programas específicos para cada cidade.

Em Pelotas, a programação acontece de 2 a 4 de outubro, no IFSUL (Instituto Federal Sul-Rio-grandense), paralelamente ao I Seminário Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação: ampliando os espaços de inclusão, acessibilidade e desenvolvimento social. Serão exibidos 13 filmes, incluindo produções de outras edições do Festival, entre elas “Quando Brilha um Raio de Luz”, “Aloha”, “Incluindo Samuel”, e “Entre Gigantes”. A cidade ainda terá cinco debates, como “Políticas públicas para inclusão”, “Audiodescrição” e “Acessibilidade universal”.

De Pelotas, o Assim Vivemos vai para Santa Cruz do Sul, onde apresenta sua programação na UNISC (Universidade de Santa Cruz do Sul), de 8 a 10 de outubro. São sete blocos de filmes, totalizando 17 produções, e dois debates que abordam respectivamente “Educação Inclusiva” e “Síndrome de Down: Trabalho e Vida Adulta”.

Para referência
Com 18 filmes e dois debates, a segunda edição do Festival Assim Vivemos acontece em Porto Alegre, no CineBancários, de 25 a 30 de setembro, trazendo todas as acessibilidades: audiodescrição e catálogos em Braille para deficientes visuais, legendas Closed Caption, interpretação em LIBRAS nos debates para deficientes auditivos e acesso para cadeirantes. Passando também por Pelotas e Santa Cruz do Sul, com programação personalizada, o Festival faz um painel multicultural do tema com produções de países como Brasil, Rússia, Estados Unidos, Moçambique, entre outros. A curadoria é de Lara Pozzobon e Gustavo Acioli e a entrada é franca.

Sem comentários

Deixe uma resposta

Seu email nunca é divulgado.Campos obrigatórios são marcados *