Arquivos mensais: agosto 2012

O kikito tem sabor de chocolate

Sempre me senti a última das criaturas em matéria de filmes, discussões sobre cinema, diretores, atores, roteiristas etc. Por ter baixa visão, o ato de ir ao cinema representa um momento estressante e cansativo – um esforço físico e emocional.

Eu bem que tentava compreender os filmes, mas perdia muita informação. As cenas passam rápido, não consigo ler as legendas, não acompanho as mudanças de cenas, os flash backs e os detalhes visuais.

Documentário Olhares será exibido dia 5 de setembro na Sala Redenção da UFRGS

No próximo dia 5 de setembro (quarta-feira), das 19h às 21h, será exibido o documentário Olhares na Sala Redenção de Cinema Universitário da UFRGS (Rua Sarmento Leite, 320 – Campus Central), em Porto Alegre. A atividade faz parte do projeto “COM AD: Sessões com Audiodescrição na Sala Redenção de Cinema Universitário/UFRGS”, coordenado pelos professores Eduardo Cardoso e Jeniffer Cutty. No filme, pessoas cegas e com baixa visão contam suas experiências no acesso ao teatro, exposições, cinema, literatura, música e entretenimento.

Filme brasileiro no 40º Festival de Cinema de Gramado terá audiodescrição

Colegas é o único filme entre todas as categorias que será exibido com recurso de acessibilidade para pessoas com deficiência visual

O longa-metragem Colegas – O Filme, com roteiro e direção de Marcelo Galvão, produzido pela Gatacine, será exibido com audiodescrição ao vivo no 40º Festival de Cinema de Gramado. A sessão ocorre no dia 13 de agosto (segunda-feira) a partir das 21h30, no Palácio dos Festivais. Entre os 48 filmes inscritos no evento (nas categorias longas-metragens, curtas brasileiros e curtas gaúchos), Colegas é o único com audiodescrição. O recurso garante o acesso às informações visuais da obra a pessoas cegas e com baixa visão, além de beneficiar pessoas com síndrome de Down, problemas neurológicos e dificuldade de memorização.